Painel do site

Experiências Urbanas

Experiências Urbanas

Muito mais que defender a liberdade individual para acessar os recursos urbanos, promover o “direito a cidade” tem sido uma prioridade nos movimentos sociais. Falamos aqui do direito de fazer e refazer nossas cidades e nós mesmos, a luz de pensamentos precisamente esclarecedores como de Leferbvre e David Harvey.

 O direito a cidade é algo genuinamente coletivo e também tem o poder de dar novas formas ao processo de urbanização. Ele revela o direito de mudar a si mesmos por mudar a cidade através de experiências urbanas. Mesmo sendo um dos direitos mais preciosos, os direitos a cidade é ainda assim, os mais negligenciados de nossos direitos humanos.

 Experiências urbanas são tudo que vivenciamos no meio urbano: morar, locomover-se, relacionar-se, criar símbolos, modificar espaços, compartilhar cotidianos e todos seus conflitos. Hoje muitas coisas ameaçam a experiência urbana, gerando uma crise na dimensão sociopolítica e arquitetônica na cidade. Uma das principais ameaças é a recente introdução dos ecossistemas informativos e dos mundos virtuais. Passamos a reproduzir ambientes atravessáveis somente por formas de interações técnicas, questionando inclusive conceito de espaço e do significado do habitar. Isso é bem visível nas metrópoles contemporâneas como Fortaleza.

É nesse sentido, que a experiência urbana deve ser promovida, pra que o conceito de habitar seja apresentado como estratégico para pensar as transformações que nos interessam.  As experiências urbanas resgatam a nossa condição perceptiva e a nossa forma de sentir, e consequentemente na forma de agir.

É preciso incentivar pessoas que mudam as cidades para serem vivas e democráticas. Finalmente compreender que para garantir o direito a cidade, precisa oferecer mobilidade urbana de qualidade, incentivar a ocupação dos espaços públicos. É criar campos seguros para trocar ideias de como construir uma cidade mais justa e debater com mais seriedade sobre sustentabilidade, democracia, direitos, igualdade, raça, gênero, mobilidade, agricultura urbana e gestão solidária de resíduos sólidos.

Laura Rios

laura@creatorearquitetura.com.br

Arquiteta e Coidealizadora do Projeto Estar Urbano

Tags: